quinta-feira, 3 de junho de 2010

A Sulista


Flannery O’Connor é uma das mais importantes vozes da literatura americana, particularmente aclamada pela genialidade dos seus contos que combinam o cómico, trágico e brutal. É uma escritora de referência da tradição Gótica Sulista focada na decadência do Sul e nas suas gentes malditas.

Nesta edição reúnem-se num único volume, e pela primeira vez, todos os contos que Flannery O’Connor foi publicando, de forma dispersa, em revistas literárias. Alvo de rasgados elogios e de múltiplos prémios, estes contos percorrem toda a carreira literária desta importante autora. Com esta publicação conclui-se a tradução integral para língua portuguesa da sua obra ficcional.
O Gerânio Contos Dispersos de Flannery O'Connor, Ed. Cavalo de Ferro.
.
«Flannery O’Connor é uma escritora moderna no sentido mais amplo do termo, as suas histórias descrevem obsessões que estão no coração do nosso mundo.», Times Literary Supplement.
.
«Não foi somente a melhor escritora deste tempo e lugar: ela conseguiu descrever algo de secreto acerca da América chamado 'Sul', com aquele talento transcendental para descrever o real espírito de uma cultura. Ela era um génio!», New York Times.

1 comentário:

Maninha disse...

vou começar já a leitura :)